Preço Inbox é crime?

Preço Inbox é crime?

É OBRIGATÓRIO informar preço na publicidade de produto? Exceções a regra!

💰💳Impulsionado pelas medidas restritivas da pandemia, o e-commerce precisa de atenção redobrada, sendo que tanto o consumidor como fornecedor devem ficar atentos as regras básicas, como a informação do preço.

🔒A prática comum de “informar preço por direct” é considerada ILEGAL e vedada pelo CDC, que exige que todos os produtos tenham seus preços informados de maneira fácil e visível.

📌Para evitar problemas com os consumidores e ter suas atividades suspensas, o fornecedor deve anunciar de forma clara, com valor, forma de pagamento e valores se for parcelado ou à vista, e todos os detalhes do produto, tal qual deve ser feito em lojas físicas.

📝EXCEÇÃO à regra: Casos em que o serviço ou produto dependa de algum orçamento, não é necessário que tenha o valor exposto, mas É IMPORTANTE que seja alertado da necessidade de orçamento.

A exceção se dá a serviços e produtos que necessitem de um orçamento prévio e personalizado, ou ainda, aqueles que devem respeito ao código de ética profissional (médicos, dentistas, arquitetos, advogados… entre outros).

🔎Independente da forma de venda, o respeito, a informação e a transparência devem ser sempre mantidos entre fornecedor e cliente. 📝🛎️

.⁣
🖇 Ana Winter Advocacia & Assessoria Empresarial (OAB 4.392).⁣
⁣📲 (47) 99958-5819‬.⁣
📲(47) 2122-3183‬.⁣
📍Rua 3.500, 215, sala 01, centro, Balneário Camboriú/SC.⁣
📍Rua Fúlvio Aducci, 1360, sala 1003, Florianópolis/SC.

Deixe uma resposta